Sexta-feira, 20 de Dezembro de 2013

Calamidades matam 14 pessoas no país

PELO menos 14 pessoas morreram e outras nove contraíram ferimentos durante o período compreendido entre 7 de Outubro e 16 de Dezembro devido a naufrágios, desabamento de casas e descargas eléctricas registados na presente época chuvosa em Moçambique.

Deste número, três óbitos são resultado de naufrágios e os restantes por desabamento de casas e descargas eléctricas. De acordo com um despacho da AIM, a situação de emergência foi um dos temas discutidos na 42ª Sessão Ordinária do Conselho de Ministros realizada terça-feira em Maputo. Durante o período em análise, segundo o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação e porta-voz da sessão, foram contabilizadas 1235 casas totalmente destruídas e 899 de forma parcial. O Governo, através do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, tem vindo a trabalhar no sentido de apoiar as famílias através de fornecimento de mantimentos e materiais de construção “para que as populações possam, muito rapidamente, reconstituir as suas vidas”.
publicado por Jornal Urbano De Moçambique às 06:25
link do post | comentar | favorito
| | partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Cidadão suicida-se no cem...

. Desmaios frequentes agita...

. “Regime da Frelimo será j...

. Monteiro arruma tabuleiro...

. Corrupção desvia pelo men...

. Frangoulis diz que Procur...

. Partido Frelimo afasta-se...

. Dhlakama anuncia para Abr...

. Nyusi reitera compromisso...

. A reacção da única filha ...

.arquivos

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds